Segurança e Medicina do Trabalho – Qual a Diferença?

A Segurança e Medicina do Trabalho são áreas conectadas, mas distintas. Saiba diferenciá-las.

O que é Segurança do Trabalho?

Segurança do Trabalho é a ciência que trata da prevenção dos acidentes no ambiente de trabalho.

No dia-a-dia corporativo, pode ser definida como o conjunto de medidas técnicas que devem ser adotadas para prevenir ou eliminar do ambiente os riscos à segurança e à integridade física dos trabalhadores, ensinando-os a respeitar e utilizar as medidas preventivas para preservar sua capacidade laborativa.

Objetivo da Segurança do Trabalho

As medidas de segurança do trabalho visam proteger o trabalhador tanto de riscos inerentes à sua função (como acidentes com máquinas pesadas, contaminação por materiais químicos ou biológicos), quanto de outros riscos mais genéricos (incêndios, choques elétricos, etc.).

Para efetivar sua função, a Segurança do Trabalho atua em várias frentes:

  1. Fiscalização nos locais de trabalho, identificando e tomando providências para eliminar ou reduzir situações de risco;
  2. Distribuição e orientação sobre o uso de equipamentos de proteção individuais e coletivos;
  3. Treinamento sobre medidas de segurança, higiene, ergonomia e uso seguro de máquinas e equipamentos;
  4. Conscientização dos funcionários sobre a importância de observar as normas e colaborar com um ambiente de trabalho seguro;
  5. Análise das estatísticas de doenças e acidentes de trabalho, visando a adoção de medidas preventivas;
  6. Criar planos para lidar com emergências, como incêndios e catástrofes naturais.

Profissionais de Segurança do Trabalho

Os profissionais habilitados a atuar na área são os Técnicos e Engenheiros de Segurança do Trabalho.

O que é Medicina do Trabalho?

É a área da Medicina que atua na preservação da saúde do trabalhador, especialmente em relação a doenças ocupacionais e profissionais.

A Medicina do Trabalho atua ao mesmo tempo no diagnóstico, na prevenção e no tratamento de doenças originadas pelo trabalho.

Objetivo da Medicina do Trabalho

A Medicina do Trabalho busca preservar a qualidade de vida do trabalhador e a manutenção de sua saúde física, mental e social. Preocupa-se em amparar o trabalhador doente ou acidentado e sua família e também em garantir uma interação saudável entre os empregados.

Outra atribuição importante da Medicina do Trabalho é avaliar a capacidade laborativa do trabalhador para exercer uma determinada função por meio dos exames médicos obrigatórios (admissional, demissional, periódicos, para mudança de função e de retorno ao trabalho).

Profissionais de Medicina do Trabalho

Estão aptos a atuar na área os Médicos, Enfermeiros e Auxiliares de Enfermagem de Medicina do Trabalho.

Diferença entre Segurança do Trabalho e Medicina do Trabalho

Enquanto a Medicina do Trabalho atua na manutenção da saúde e da qualidade de vida do trabalhador, a Segurança do Trabalho garante sua integridade física e a preservação da sua vida.

Pode-se concluir, portanto, que ambas as áreas se complementam e são responsáveis por zelar pela melhoria do ambiente laboral e assegurar condições dignas de trabalho aos empregados.

Veja também

Comentários

  1. ederson

    boa tarde, estou pretendendo fazer uma pos graduação em engenharia segurança do trabalho. porem me surgiu uma duvida, estou procurando faculdade, encontrei uma que tem pos em engenharia do trabalho 18 meses, e também encontrei outra porem muda o nome segurança e saúde do trabalho com 360 horas de aula com 5 meses de estudo sera que é o mesmo curso alguém pode tirar esta duvida.

    Responder

Comentário

CAPTCHA