DDS Capacete de Segurança


O ser humano é o único ser racional, repleto de ideias, conhecimento, criatividade, alegria, tristeza, porém tem sua cabeça como um dos membros mais sensíveis, mais frágeis, apesar de rígida, um impacto nessa região pode provocar consequências graves ou até irreversíveis.

No âmbito da segurança no trabalho, a cabeça é uma das grandes preocupações, e para protegê-la é adotado o uso do capacete de segurança em muitas atividades que oferecem o risco de quedas ou colisões.

O uso do capacete de segurança não se restringe aos trabalhadores, indivíduos que visitam a área restrita e com obrigatoriedade de utilização desse EPI, também precisam obedecer as instruções e utilizar o equipamento, bem como engenheiros, gerentes, gestores, entre outros, mesmo que a visita seja rápida.

Para a proteção da cabeça o capacete de segurança é confeccionado por polietileno de alta densidade, ou seja, um tipo de plástico extremamente rígido, oferecendo máxima proteção, há diversos modelos e entre eles com vários tamanhos diferentes de cabeça, sua catraca articulada encaixa perfeitamente abaixo da nuca e sua altura é totalmente ajustável.

O capacete é para proteção do funcionário em caso de trabalho em altura ou também para a segurança do eletricista, e mais, para operários que precisam se inclinar para desenvolver uma atividade, há o capacete de segurança com a fita jugular que passa por debaixo do queixo, evitando assim que o capacete caia.

O capacete de segurança faz parte de medidas preventivas e corretivas no que tange as ações de segurança no trabalho, a devida informação, treinamento e o uso por parte dos operários, é de extrema importância.

Faça a análise dos riscos ambientais e escolha a opção adequada que vá atenuar os riscos e oferecer conforto aos operários. Há duas classes de capacetes para proteção contra os impactos.

  • Classe A – são de uso geral, exceto para trabalhos com energia elétrica.
  • Classe B – são apropriados para uso em atividades energizadas, pois são submetidos a ensaios de rigidez dielétrica e tensão elétrica aplicada. Essa classe se divide em capacete com aba total (tipo 1), aba frontal (tipo 2) ou sem aba (tipo 3).

Para o seu uso eficiente, é indicado:

  • Sempre regule corretamente a suspensão;
  • Nunca use capacete danificado ou com defeito;
  • Nunca altere sua coloração;
  • Mantenha-o higienizado;
  • Verifique se há o certificado de aprovação na região inferior da aba;
  • Nunca leve-o para casa;
  • Evite usar de uma outra pessoa;
  • Armazene-o corretamente;
  • Sempre faça uso nos locais indicados;
  • Respeite a sinalização, mesmo que transite por poucos minutos na área onde está sinalizado uso obrigatório do capacete de segurança.

Sempre respeite as normas e sinalização de segurança e ofereça à todos e a você a proteção necessária para o dia a dia de um trabalho seguro, produtivo e com qualidade de vida.

Gostou da publicação sobre o DDS Capacete de Segurança? Então, acompanhe o Blog Segurança do Trabalho pelas redes sociais: Twitter, Facebook e Google plus.


Veja também

Comentário