O que é Saúde Ocupacional?


Quando se fala em Saúde Ocupacional, muitas pessoas logo pensam nos exames admissionais e demissionários feitos para um emprego. Entretanto, a Saúde Ocupacional vai muito além desses exames como forma de manter a saúde e a qualidade de vida do funcionário.

A saúde ocupacional é um ramo da medicina que atua na prevenção de doenças e problemas laborais causados pelo ambiente e rotina de trabalho. Seu principal objetivo é promover o bem estar físico, mental e social dos colaboradores no exercício de suas ocupações.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a finalidade dos serviços de Saúde Ocupacional consiste em proporcionar as condições necessárias para a garantia do mais elevado grau de qualidade de vida no trabalho, protegendo a saúde dos funcionários através da prevenção de acidentes e doenças, com a identificação e redução dos riscos.

A Saúde Ocupacional proporciona benefícios tanto para os empregados, como para o empregador. Com a implementação de técnicas para a redução de doenças e a realização de exames periódicos que garantem a saúde do funcionário, cria-se um ambiente de trabalho saudável para a realização das tarefas. Por consequência, o trabalhador se sente seguro e motivado para a produção e não sofrerá a influência do ambiente para interromper o serviço prestado.

Ela não se limita a proporcionar apenas melhores condições físicas ao trabalhador, uma vez que também cuida da saúde psíquica do empregado. Através de uma avaliação periódica, é possível identificar se o indivíduo está em condições físicas e psicológicas para exercer a função ou, em caso de afastamento, se ele está apto a voltar para o trabalho.

Objetivos da Saúde Ocupacional

Além de proporcionar a saúde física, mental e social do trabalhador, a Saúde Ocupacional possui as seguintes finalidades:

  • Colocar o trabalhador em uma atividade que corresponda à sua capacidade física e emocional, de modo que possa executá-la sem riscos para toda a equipe e para a instituição;
  • Proporcionar atendimento médico imediato em casos de acidentes de trabalho ou situações de emergência causadas por doenças laborais, bem como garantir a reabilitação do funcionário;
  • Garantir a saúde do trabalhador através da implantação de atividades promocionais e métodos específicos de medicina preventiva, bem como a realização de exames periódicos para a manutenção do bem estar do colaborador;
  • Controlar os riscos existentes no local de trabalho e garantir a correta e segura execução das funções;
  • Assegurar um ambiente de trabalho saudável e seguro que resulte em uma maior motivação e produção.

Importante destacar que a Saúde Ocupacional é caracterizada como um setor obrigatório dentro da empresa. O Ministério do Trabalho é o responsável pela fiscalização e regras de manutenção da qualidade de vida dos trabalhadores.

Neste sentido, o empregador deve observar atentamente o ambiente geral de sua empresa para que os funcionários sejam mantidos livres de riscos físicos, químicos, biológicos e ergonômicos.

É importante ter em mente que a precariedade nas condições de trabalho incide sobre a Saúde Ocupacional de uma instituição. Por isso, realizar inspeções periódicas do local e aplicar as regras estabelecidas para a saúde dos funcionários é a garantia de produtividade e confiança no mercado.


Veja também

Comentário