Coleta de Lixo: Os Riscos da Atividade aos Trabalhadores

Saiba quais são os riscos da coleta de lixo para a saúde dos trabalhadores e como amenizá-los.

A coleta de lixo é um serviço essencial para a vida em sociedade. No entanto, é uma atividade devastadora para a saúde e arrisca a integridade física dos trabalhadores.

Atendendo a pedidos, o artigo de hoje trata dos riscos dessa atividade para os trabalhadores, bem como os cuidados possíveis para amenizá-los e os adicionais que esses profissionais devem receber como compensação.

Riscos da Coleta de Lixo Urbana aos Trabalhadores

A coleta de lixo é uma atividade que traz riscos tanto à saúde quanto à integridade física dos trabalhadores, começando pelo próprio objeto da atividade: o lixo.

O lixo orgânico, por si só, já oferece alto nível de perigo, pois pode estar contaminado por secreções contendo vírus, bactérias e fungos, produtos químicos e substâncias tóxicas. Mas o principal motivo de acidentes é que as pessoas não têm o hábito de separar e acondicionar corretamente o lixo. Logo, o trabalhador nunca sabe o que está coletando e o risco de se ferir com objetos cortantes e perfurantes é altíssimo.

Podemos mencionar ainda o grau de esforço físico necessário: na maioria das vezes, os coletores sobem e descem do caminhão o dia todo, correm para apanhar os sacos e ainda precisam retirá-los de lixeiras altas. O resultado são lesões musculares, articulares e até mesmo quedas e atropelamentos.

Some-se a tudo isso a exposição constante à radiação solar, variação de temperatura, chuvas, vibração, ruído, umidade, poeira, animais de rua e risco de acidente durante a compressão do lixo e a descarga do caminhão.

Equipamentos e Medidas de Proteção

Embora seja impossível neutralizar os riscos, algumas medidas podem ser tomadas para diminuí-los, tais como:

  • Uso de EPIs: basicamente, óculos, luvas, calçados e roupa com mangas compridas. Os itens podem receber proteção contra umidade, respingos de produtos químicos, baixas temperaturas, agentes cortantes e perfurantes, atrito, entre outras. Necessário também o uso de protetores auditivos e respiratórios, coletes refletores, máscara, creme para proteção contra agentes químicos, filtro solar e boné.
  • Fornecimento de água: O esforço físico e a exposição ao sol aumentam o risco de desidratação e insolação.
  • Treinamento e conscientização dos trabalhadores: A maioria dos trabalhadores da coleta de resíduos desconhece ou subestima os riscos a que estão expostos. Por isso, é fundamental promover treinamentos sobre segurança do trabalho, ergonomia e fiscalizar o uso dos EPIs.
  • Assistência médica e psicológica: Além dos riscos já mencionados, o trabalho em ritmo acelerado é estressante, podendo causar tensão nervosa, hipertensão e diversas outras doenças. Como agravante, muitos dos trabalhadores têm problemas com alcoolismo e o trabalho nessas condições pode provocar acidentes sérios.
  • Campanhas de conscientização: Embora não seja uma medida trabalhista, campanhas para estimular a população a embalar corretamente objetos cortantes e perfurantes antes de descartá-los pode ajudar a diminuir o número de acidentes.

Gostou do texto “Coleta de Lixo: Os Riscos da Atividade aos Trabalhadores”? Então, não deixe de acompanhar o Blog Segurança do Trabalho pelas redes sociais: TwitterFacebookInstagram e Google plus.

Veja também

Gostou do texto? Então, não deixe de compartilhá-lo:

Comentários

  1. Wagner

    A Insalubridade é mais vantajoso?…os 40% nao é sobre o salário minimo!?…nao seria mais vantajoso a periculosidade que é sobre o salario normativo!?

    Responder
  2. Juci

    Olá, surgi uma duvida em relação aos coletores de resíduos. A insalubridade é de 40%, baseando no salario mínimo de 880,00 que fica 352,00 reais e a periculosidade é 30% em cima do piso que eles recebem na carteira. Será que eles recebem somente um salario minimo? O tempo para aposentar, recebendo insalubridade é menor que de periculosidade?

    Responder
  3. Fred

    Amigos, Periculosidade é NR 16, o que não consta lá não existe “periculosidade” nos termos de adicional.

    Responder
  4. Matheus

    Gostaria por gentileza saber se coletor de lixo pode adotar calça curta (bermuda) ao invés de calças longas no verão? uma vez que o conforto térmico será melhor e no verão as temperaturas em minha cidade podem variar de 32 graus a 39 graus celsius?

    Abraços

    Responder

Comentário

CAPTCHA