Dicas de Ergonomia ao usar Celular


Saiba algumas dicas de ergonomia ao usar celular. Confira!

O uso de celular tem sido cada vez mais comum, inclusive como ferramenta de trabalho, por isso tornou-se uma questão de saúde e segurança do trabalho. Este artigo irá apresentar algumas dicas de ergonomia para que o uso deste dispositivo seja saudável.

A preocupação com a ergonomia ao usar o celular não era uma realidade há algumas décadas atrás, no entanto, hoje é possível perceber diversos os prejuízos físicos e psicológicos que o uso destes dispositivos pode causar.

Confira algumas dicas de ergonomia ao usar celular:

Dica 1: Posicionar o dispositivo corretamente

O erro mais comum ao usar o celular ou tablet é de curvar a cervical para visualizar a tela. A forma correta é ajustar o dispositivo ao seu corpo e não o contrário. Desta forma, o fundamental e apoiar os braços em um suporte fixo (como uma mesa) de forma que o dispositivo fique alinhado com os olhos, sem precisar aproximar muito a cabeça e assim evitar dores no pescoço, cabeça, ombros e nas mãos.

Dica 2: Evite flexionar os braços e ombros

Para utilizar o celular, costuma-se flexionar os braços junto ao tórax em paralelo com a cabeça – que se encontra erroneamente curvada para baixo – esta posição é errada, pois o músculo e os ligamentos ficam tensionados por tempo prolongado, esta tensão pode provocar lesões, encurtamento, inflamações, etc. Portanto, a medida de ergonomia ao usar o celular é apoiando o cotovelo e mantendo a postura ereta.

Dica 3: Evite estalar os dedos

Por mais reconfortante que possa parecer, o hábito de estalar os dedos não ajuda com as dores nas mãos e dedos decorrente do uso de celular, pelo contrário, contribui com o desenvolvimento de problemas nas pequenas articulações.

Dica 4: Jamais use o dispositivo enquanto dirige

Durante o percurso para o trabalho podem ocorrer diversos acidentes de trânsito e uma das causas mais comuns de acidentes de trânsito tem sido relacionada ao uso indevido de celular na direção. Portanto, este cuidado deve existir tanto para trabalhadores que dirigem até o trabalho, como para quem tem o trânsito como ambiente de trabalho, ou seja, motoristas, entregadores ou ainda, para aqueles funcionários que frequentemente precisam pegar trânsito para realizar visitas ou tarefas fora do ambiente da empresa.

Dica 5: Fazer pausas e alongamentos

Esta é uma dica que se aplica ao uso de diversas ferramentas de trabalho. Neste sentido, fazer pausas para descansar as articulações e realizar alongamentos no punho, nas mãos e nos dedos durante a jornada de trabalho é uma medida de ergonomia ao usar o celular, pois evita doenças articulares, dores, lesões.

Dica 6: Não prolongar o uso de dispositivos

Ainda que todas as medidas de ergonomia ao usar o celular sejam adotadas, é fundamental que haja controle do tempo de uso deste dispositivo, já que mesmo a posição adequada não é a mais indicada para o corpo humano permanecer por muito tempo.

Dica 7: Regular a luz do dispositivo

A luz do celular ou do tablet, assim como a do computador, podem causar problemas e desconfortos na visão, por isso, é fundamental que a iluminação da tela do celular seja regulada para o mínimo possível, de forma que não fique muito escura, fazendo a pessoa esforçar a vista, nem muito clara, incidindo muita luz na retina.

Dica 8: escolha o dispositivo mais adequado

Uma das medidas de ergonomia ao usar o celular no trabalho, é a escolha do modelo, isto é, ao fazer a aquisição do dispositivo, a empresa deve observar os seguintes aspectos:

  • Tamanho e resolução da tela: deve oferecer conforto aos olhos e à postura ao ser posicionado mais distante;
  • Opções de regulagem da luz e do tamanho das letras;
  • Acessibilidade: modelos com acessibilidade para deficientes visuais e auditivos;
  • Características técnicas adequadas: memória, processamento, armazenamento, pois o sistema quando se torna lento pode contribuir como um fator no desenvolvimento de estresse no trabalho.

Gostou das dicas de ergonomia ao usar celular? Então, não deixe de acompanhar o Blog Segurança do Trabalho pelas redes sociais: TwitterFacebookInstagram e Google plus.


Veja também

Comentário