Segurança no Trabalho com Facas


Saiba como manter a segurança no trabalho com facas.

As facas são, desde os primórdios, fundamentais em nosso dia a dia, elas fazem parte da nossa vida. E quando um acidente com faca acontece, na maioria das vezes são doloridos e algumas vezes, graves. Acidentes com facas podem provocar amputações e perda de movimento, entre outros problemas. Por isso é tão importante a segurança no trabalho com facas.

Estatísticas apontam que as facas, os canivetes e estiletes são responsáveis por uma grande quantidade de acidentes. Mais do que qualquer outra ferramenta manual.

Todos os trabalhadores podem acabar se ferindo com facas, especialmente quando há improvisações, por exemplo a substituição de uma simples chave de fenda pela utilização indevida da faca.

Dicas de Segurança no Trabalho com Facas

  • O primeiro cuidado é manter a faca afastada do corpo.
  • Sempre que necessário, utilize luvas. Por exemplo: Luvas anticorte com fios de aço.
  • Mantenha sempre o foco no trabalho. Cuidado com distrações, pois podem gerar acidentes.
  • Ao transportar facas, sempre use a bainha. Ao transportá-la junto ao corpo, cuide para que esteja sempre de um dos lados. Nunca na frente ou nas costas, pois aumenta o risco de ferimento em caso de queda, por exemplo.
  • Nunca deixa facas sobre balcões, mesas e outros ambientes que possam cortar pessoas. Ao guardá-las, mantenha o fio para baixo, em local apropriado e sinalizado.
  • Assim como qualquer outro equipamento, as facas precisam estar com a manutenção em dia. Devem estar afiadas e em boas condições de uso, com cabo firme, sem defeitos na lâmina, sem rachaduras ou partes quebradas.
  • Facas cegas, além de exigirem mais força do trabalhador, podem provocar acidentes graves devido à força necessária para o corte. A mão do trabalhador pode escapar e correr sobre a lâmina, causando ferimento grave.
  • Fique atento à indicação de corte da faca. Cada modelo é desenvolvido para uma função específica, para um tipo de corte.
  • Evite facas com marcas de ferrugem e lave-as sempre que ficarem escorregadias.

⇒ Veja também: Dicas de Segurança e Higiene na Cozinha Industrial.

O que fazer em caso de acidente?

Se acontecer um acidente envolvendo facas, devem-se prestar os primeiros socorros rapidamente, não apenas para evitar hemorragias, mas para evitar infecções.

No caso de cortes na mão, mesmo os menores, devem ser comunicados à área de segurança do trabalho. Lave o ferimento, se possível, e pressione com um pano limpo ou gaze até diminuir o sangramento. Em caso de cortes mais profundos, procure socorro médico imediatamente.

Caso o objeto cortante tenha qualquer sinal de ferrugem, avise ao médico ou à equipe de segurança do trabalho (em caso de cortes menores) para que a medicação antitetânica seja providenciada evitando infecções e que o ferimento se agrave. Não aplique nenhum tipo de produto no local, como álcool, desinfetante ou pomadas. Não assopre o ferimento para não contaminar com bactérias.

Muito cuidado com o tipo de material que utilizará para estancar o sangue do ferimento, para não contaminar a área machucada. Procure assistência médica imediatamente, mesmo em casos de pequenos cortes. Somente o médico será capaz de avaliar a gravidade do ferimento.

As facas são ferramentas muito úteis, mas se tornam verdadeiras armas quando não tratadas com o devido cuidado.


Veja também

Uma ideia sobre “Segurança no Trabalho com Facas

  1. Cleber martins

    Olá boa tarde,
    Como sempre uma ótima matéria,,, porém se liberarem a pagina para utilizarmos o material seria melhor ainda, economizaria tempo e multiplicávamos com mais rapidez a inf em treinamentos e outros…

    Responder

Comentário