DDS Operador de Betoneira


Hoje, o Dialogo Diário de SegurançaDDS é sobre o operador de betoneira. Confira!

Há algumas décadas atrás, a construção civil admitia pessoas sem qualificação nenhuma, sequer experiência profissional, seu quadro era repleto, porém muitos operários se quer possuíam alfabetização necessária para executar tal atividade penosa, complexa e composta por muitos riscos ambientais.

Com o passar dos anos, a legislação foi se intensificando e em paralelo a fiscalização, fomentando um grande número de multas para o empreendedor e o constante aumento de fatalidades e acidentes do trabalho.

Felizmente, as leis se tornaram mais rígidas e o setor da construção civil cresceu em número e segurança. Hoje, para atuar na construção civil, é necessário experiência e em certas atividades, é preciso possuir um curso ou uma qualificação específica.

O profissional que opera uma betoneira, não é diferente. Talvez você já tenha visto em muitas obras, mas não sabia que se tratava de uma betoneira. Betoneira é um grande recipiente redondo com a finalidade de misturar o concreto, composto por pedra, areia, água e cimento. Há diversos tipos de betoneira, como a móvel, fixa, semifixa, automática e semiautomática, bem como os caminhões betoneira.

É um grande facilitador na construção civil, porém não dispensa o trabalho humano, pois é necessário para abastecer, operar, esvaziar e higienizar. O profissional manipulador dessa máquina é o operador de betoneira.

É conveniente que o operador de betoneira possua qualificação para operá-la, pois a Norma Regulamentadora 18 (NR-18) define que a operação de máquinas e equipamentos que exponham o operador ou terceiros a riscos só pode ser feita por trabalhador qualificado e identificado por crachá.

Sendo assim, o operador de betoneira necessita pelo menos de treinamento de qualificação para ter conhecimento de como manusear, os riscos existentes, parte elétrica, procedimento de segurança, entre outros.

De uma forma geral, para se trabalhar na construção civil a NR-18 determina que os operários precisam passar por um treinamento admissional de no mínimo 6 horas, contendo as informações a respeito das condições e meio ambiente de trabalho, riscos inerentes à função, uso adequado dos equipamentos de proteção individual (EPI’s) e coletivos (EPC’s).

Dentro desse período é possível ministrar o treinamento para o operador de betoneira, porém extra norma, é importante ressaltar alguns cuidados de prevenção que o operador de betoneira precisa adotar, como:

  • Se atentar para a matéria prima a ser colocada na betoneira;
  • Cuidar da máquina, higienizando da forma correta, evitar ferrugens;
  • Nunca, jamais usar a máquina para finalidade diferente a qual foi destinada;
  • Não usar de brincadeiras no ambiente de trabalho;
  • Estar sadio para desenvolver a função, caso não se sinta bem, procure o técnico de segurança no trabalho ou o mestre de obra, pois qualquer mal estar pode provocar acidentes graves no trabalho;
  • Utilizar todos os EPI’s necessários, nunca manuseie sem a devida proteção, evite acidentes e doenças ocupacionais como dermatoses.

A atividade é de extrema importância, principalmente para a área de construção civil, portanto, faz-se necessário a devida qualificação, motivação e qualidade desse trabalho, bem como o trabalho em equipe, pois uma atividade depende da outra e como um trabalho de formiguinha, assim se faz a construção civil.


Veja também

Comentário