O que é Medicina e Segurança do Trabalho?


Conheça melhor as ciências que garantem a integridade e a saúde do trabalhador.

A Medicina e Segurança do trabalho são duas áreas diferentes, mas que se complementam e guardam uma forte ligação entre si. Ambas visam melhorar as condições de trabalho, o ambiente laboral e proteger o trabalhador contra fatores que atentem contra sua saúde, sua vida e sua integridade física. Por isso, desempenham um papel fundamental na garantia das condições de trabalho dignas e do respeito ao trabalhador.

No artigo de hoje, saiba mais sobre a Medicina e Segurança do Trabalho.

O que é Medicina do Trabalho?

A Medicina do Trabalho é a área médica especializada na preservação da saúde do trabalhador. É responsável tanto pela prevenção quanto pelo diagnóstico e tratamento das doenças ocupacionais e profissionais.

Para cumprir seu objetivo, esse ramo da Medicina também se ocupa da manutenção da qualidade de vida do trabalhador através da assistência à saúde física, mental e social.

Por fim, é responsável pelas avaliações médicas periódicas previstas em lei, que servem para determinar se o empregado está apto a assumir determinada função.

⇒ Saiba mais, acesse: O que é Medicina do Trabalho?.

Como se aplica a Medicina do Trabalho na prática

A aplicação prática da Medicina do Trabalho na empresa se dá através do PCMSO (Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional), que identifica os riscos à saúde do trabalhador, define as atitudes que devem ser tomadas para reduzi-los e avaliam se tais medidas têm sido suficientes.

O PCMSO é elaborado pelo SESMT (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho), que deve contar com um Médico ou Enfermeiro do Trabalho em sua equipe.

O que é Segurança do Trabalho?

Segurança do Trabalho é a ciência que estuda a proteção da integridade física do trabalhador em seu ambiente laboral, visando prevenir ou pelo menos reduzir os riscos de acidente de trabalho.

Atua a partir de um conjunto de normas técnicas que devem ser implementadas no ambiente de trabalho para identificação, avaliação e controle dos riscos a que os funcionários da empresa estão expostos. A partir dessa avaliação, a equipe de Segurança do Trabalho propõe as adaptações físicas que julgarem necessárias e elaboram estatísticas para avaliar a sua eficiência.

A fiscalização e a promoção de treinamentos para que as normas sejam cumpridas também são pertinentes à equipe de Segurança do Trabalho, bem como a criação de planos emergenciais para lidar com incêndios e desastres naturais.

⇒ Saiba mais, acesse: O que é Segurança do Trabalho?

Como se aplica a Segurança do Trabalho na Prática

O organismo responsável pela aplicação das normas de Segurança do Trabalho é o SESMT, que deve contar com Médicos, Engenheiros e Técnicos em Segurança do Trabalho em número estabelecido de acordo com o dimensionamento estabelecido pela NR-04.

Além do SESMT, a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) também é responsável pela aplicação das normas de segurança.


Veja também

Comentários

Comentário