O que é Qualidade de Vida no Trabalho?


Saiba mais sobre a importância da qualidade de vida no trabalho.

O trabalho é muito mais do que uma maneira de se sustentar e pagar as contas no fim do mês. Considerando que um brasileiro trabalha por aproximadamente 8 horas diárias durante 35 anos, fazendo uma conta simples chegamos à conclusão que passamos pelo menos 72.800 horas da vida no ambiente de trabalho. Ou seja, a qualidade de vida de um indivíduo depende muito de sua qualidade de vida no trabalho.

O que é Qualidade de Vida no Trabalho?

A qualidade de vida no trabalho engloba vários aspectos, desde a ausência de doenças ocupacionais ou profissionais, saúde mental dos trabalhadores, ambiente de trabalho adequado, até o atendimento às demandas dos funcionários e o bom relacionamento entre estes e a chefia.

Como ciência, pode ser definida como a busca pela satisfação das necessidades do trabalhador e seu desenvolvimento pessoal e profissional, através de ações que envolvem o diagnóstico das condições de trabalho e a implementação de medidas gerenciais, tecnológicas e estruturais que visem melhorá-las.

Por que melhorar a qualidade de vida no trabalho?

Quando o trabalhador possui uma qualidade de vida no trabalho elevada, não apenas ele sai ganhando, mas também o empregador. Alta qualidade de vida significa mais motivação, maior produtividade, melhora na eficiência, diminuição das faltas e maior perspectiva de permanência na empresa.

Como melhorar a qualidade de vida no trabalho?

Vários cuidados ajudam a promover a melhora da qualidade de vida no trabalho. Entre as frentes mais importantes, podemos citar:

  • Uso e desenvolvimento de capacidades de cada trabalhador – Aproveitar as habilidades específicas de cada trabalhador na hora de atribuir cargos e tarefas e oferecer um plano de carreira aumenta a qualidade dos serviços prestados e a satisfação pessoal do trabalhador, gerando mais motivação e eficiência. Também ajuda a construir uma percepção do significado pessoal e social do trabalho.
  • Integração social dos funcionários – A qualidade dos relacionamentos interpessoais é um dos fatores mais determinantes do grau de satisfação com o ambiente de trabalho. Facilitar e estimular a interação entre os funcionários através da criação de áreas comuns, da formação de equipes de trabalho sintonizadas e da promoção de atividades extralaborais ajudam a criar um senso de comunidade e colaboração. Como contraponto, deve-se coibir fortemente preconceitos, agressividade e atitudes abusivas ou desrespeitosas dentro da empresa.
  • Respeito à legislação trabalhista e previdenciária – Respeitar todos os direitos dos trabalhadores já é meio caminho andado para garantir sua qualidade de vida no trabalho. Também é fundamental garantir a liberdade de expressão, o respeito à diversidade de ideias e personalidades, o tratamento imparcial e a privacidade.
  • Manutenção de um ambiente de trabalho seguro e saudável – Ressalte-se a importância de cuidar da saúde do trabalhador dentro e fora do ambiente de trabalho.
  1. Ações ligadas à saúde e segurança do trabalho: apoio total à CIPA e ao SESMT, controle da jornada de trabalho, acessibilidade a portadores de deficiência, programa de saúde ocupacional, fisioterapia e ginástica laboral, atenção rigorosa às normas de segurança no trabalho.
  2. Ações ligadas à saúde do trabalhador: cursos de direção defensiva, orientação nutricional, grupos de apoio contra tabagismo, alcoolismo, drogas e transtornos psicológicos, disponibilização de plano de saúde.

Gostou do texto sobre Qualidade de Vida no Trabalho? Então, acompanhe o Blog Segurança do Trabalho pelas redes sociais:TwitterFacebook e Google plus.


Veja também

Comentário